4 de julho de 2017

Obediência

Eu sei que estou sumida, e que nada que eu diga vai mudar. Mas a verdade é que ando totalmente sem vontade de viver, sinto me como se estivesse nos últimos dias da minha vida. Os cortes voltaram cada vez mais fundo, cada vez maiores, cada vez mais doloridos. As noites são longas, pílulas descem pela minha garganta e me fazem ver o arco íris em meio a sangue a cinzas de cigarro. Parei de vez de comer, lfs não estavam ajudando, então não como. Viver a vida saudavelmente, também não. Então que assim seja, vou morrer de fome. Sinto ela me abraçando, devagar, suavemente enquanto se enrola nos meus ossos. Ela quer obediência, ela quer sinceridade, e eu vou dar tudo para ela. Em troca ela vai me dar números, sorriso, leveza, é só isso que importa mesmo.


12 de junho de 2017

Sumiço

Andei sumida daqui, pois não tinha nenhuma novidade relevante para contar. Mas como não quero abandonar o blog, vim aqui hoje para contar meio por cima o que houve nesses 11 dias afastada do blog. A primeira coisa que tenho a dizer a dieta nem se quer saio do papel. Calma vou explicar o porque, andei super atarefada consequentemente não tive cabeça nem para cuidar de mim. Basicamente mal penteava o cabelo, mal tomava banho, mal comia nos horários certos. E a maioria do tempo livre que eu tinha/tenho eu dormia. Só academia que mantive, embora essa ultima semana foi um desastre. Chovia muito, ou estava frio demais para eu me mover de casa.
Perdi as receitas dos meus remédios, ou seja estou sem 1 medicação. Por sorte tenho duas para me manter, estou levando um pouco mais a sério meu tratamento, tanto que não tenho esquecido de tomar os remédios. E isso particularmente é bom.
Meu humor tá um lixo, esta oscilando demais e atrapalhando demais a minha vida. Tem dias que acordo chorando, outros que acordo com a maior preguiça de respirar, outros acordo meio feliz, é confuso essa vida de borderline. Sinto uma vontade enorme de me cortar, então tenho me queimado com isqueiro. ( é lua, essa vida não tá fácil não) Tenho tido visões, sonhos estranhos e tudo mais que se possa imaginar. Mas eu meio que ignoro toda essa merda e tento sobreviver.
Meu presente do dia dos namorados foi super legal. O duda fez uma surpresa para mim, dizendo que eu ia leva-lo para tomar vacina da gripe. Mas ele me levou na galeria do rock, para eu escolher o que eu quisesse de lá. É tanta coisa maneira que a gente fica sem saber o que escolher. No fim escolhi: um all star todo preto, uns acessórios como colares e brincos, e uma tatuagem, que é minha 5° tattoo, eu escolhi uma flor de lótus, e sinceramente amei a tatuagem e seu significado. ^^
Está semana eu vou fazer uma dieta rápida de 7 dias. Espero ter bons resultados, afinal o ano está quase no meio, e até agora a dona Lua mal se moveu.
Espero que todo esteja bem. Amanhã passo no blog de vocês <3

1 de junho de 2017

Planos para Junho

Quantidade de dias: 30 dias
Horas de alimentação - 
Café da manhã 07:30 - Lanche: 10 horas - Almoço: 12:30 - Lanche: 17:30- Ceia: 22:30
Alimentação: Nada de carboidrato
Água: 1,5 litro
Chás: O máximo que puder beber
Pesagem: de 10 em 10 dias
Exercícios: Ir pra academia todos os dias da semana


Maio foi um mês totalmente sem graça. Mal conseguir sair do lugar, as novidades é a troca de remédio ( que por um acaso estou me adaptando até que bem) e que estou fazendo academia. Hoje tive avaliação, ele disse que meu corpo é durinho. E que meu maior problema é a alimentação mesmo. Ele já me passou uma dieta, eu vou seguir o cardápio dele em cima da dieta que escolhi para começar o mês. Vamos com fé.
Maio também me trouxe lembranças muito ruins, não sei porquê mas este mês não me caí bem. Então tenho esperanças no mês de junho. Dia 14 de junho faz um ano desde que procurei um médico ( não foi o psiquiatra) para começar meu tratamento contra a doença que luto ( Borderline ). Tive várias recaídas em relação a cortes neste mês. < para ser sincera em todos os meses que passou > Minha meta deste mês é ficar bem longe da bulimia. E bem longe de uma lâmina, não sei se vou conseguir está segunda opção, mas espero que eu consiga. < a esperança é a última que morre > 
A mania de perseguição voltou com tudo, e a insônia também. Demoro muito para dormir, e quando durmo, durmo muito mal, ou seja meu corpo não descansa. E o pior de tudo é que eu sinto bastante sono, porém não consigo dormir, por causa das vozes na minha cabeça. Queria tirar todas elas da minha mente, mas eu não consigo. >< Tem sido difícil. 
Tem sido muito complicado ir para academia. Interagir é extremamente difícil, mas os instrutores são muito educados, e deixam a pessoa a vontade. Mas ainda sim, me da vontade de largar tudo e sair correndo pela rua à fora. Só não desisti, pois quero muito emagrecer. E eu sei que sem exercícios, é muito mais difícil. Então toda vez que o pânico me ataca eu penso - 45- 45-45-45-45. E respiro fundo, bem fundo mesmo, e solto tentando me livrar dos ataques. Eu posso vencer basta, eu querer vencer. 


25 de maio de 2017

Efeito colateral + dieta

Nossa, como estou me adaptando ao remédio agora. Tem sido difícil se adaptar há ele. Tudo que eu quero é dormir, e dormir. Os enjoos, tem sido constantes sempre no mesmo horário. Por volta das 16, eu começo a sentir os efeitos do remédio. Eu sei que de início é bem assim mesmo. Mas nossa como é ruim trocar de remédio. Crédo. ><
Ultimamente não sinto vontade de fazer nada. Tem sido uma luta bem grande para ir pra academia, e fazer as atividades normais de casa. Espero que isso melhore logo! Vou começar uma dieta hoje, me desejem sorte, pois no momento é o que eu estou precisando. Não tenho ela aqui no computador, mas no próximo post eu coloco ela aqui. Estou sentindo saudades de algumas meninas que vinham aqui, o que aconteceram com você. Espero que todas estejam bem.

21 de maio de 2017

Academia

Bem eu comecei a fazer academia, eu nunca fiz academia na minha vida. E sei que não é nada mágico, mas eu comecei a fazer. A primeira coisa a dizer é que estou  toda dolorida. Mas todo mundo falou que isso é normal. Eu me senti muito deslocada na primeira aula, mas depois me senti um pouco mais "normal" eu diria. Não presto atenção em nada, a não ser os exercícios. Estou treinando com mais duas garotas, assim é um pouco mais mais fácil.
Minha alimentação tá uma enorme merda. Eu me concentrei nos dias de exercícios, e esqueci totalmente da alimentação. Estou pensando em fazer dieta das frutas está semana. É saudável e pode me fazer perder alguns quilos. Ou então eu faço mono, vou me decidir até antes de dormir.
Hoje comecei a tomar outro regulador/moderador de humor. Como eu havia dito, outro estava caro demais, e estava difícil de manter. Este é muito, mas muito mais em conta. Não tem nem comparação com o antigo. Só não sabemos se é bom como o outro... Agora é só torcer para que ele seja tão eficiente quanto o outro.

15 de maio de 2017

Desafio 350

Primeiro vou falar um pouco sobre o dia das mães. Eu estava/estou muito ruim, derrubei um prato de comida em mim. Não estava bem, voltei pra casa. Coloquei qualquer coisa no pc, e eu estava quase cochilando quando meu tel tocou, abafei ele com travesseiro, mas continuou a tocar já estava me deixando maluca. Quando atendi, era uma das minhas primas... Me chamando de volta pra casa do meu tio. Bla bla bla volta, bla bla quem mandou você ir embora = papo de quem já estava altinha. Ok, lá vai eu descer a rua de novo. Chegando lá já me deparei com uma das minhas primas em um local da casa, e a outra em outro. As duas não se gostam, e nem se quer fingem para não ficar aquele climão. E eu sou a neutra que pago o pato das duas. ¬¬ Senhor me mata! Pra não ficar chato, falei um pouco com uma, e falei um pouco com a outra. Mas deu na mesma, ficou aquele clima, e eu me senti super mal. Pelas duas. Meu sonho é compra uma casa e ir embora pra bem longe daqui. ( morrer também ) Enfim... Meu dias das mães, foi uóooh!
Está semana tem desafio no grupo, e o desafio é comer 350 kcals apenas, este é limite máximo. Depois de semanas sem participar, finalmente vou participar de algo. E talvez, apenas talvez eu farei academia a partir de amanhã. Porque tanto talvez, porque odeio interagir e isso não é pra mim. Por isso existe uma grande possibilidade de eu não ir. Mas no final do mês que vem eu ganho minha bicicleta, então tô mega empolgada com isso. Vai me ajudar muito (assim espero ). Que esta semana seja de pleno foco, e muita força. Amém.

10 de maio de 2017

Consulta no psiquiatra

Eu acordei cedo, mesmo querendo a cama com todas as minhas forças. Mas eu tinha consulta no psiquiatra, e eu não podia perder a consulta. << se eu perdesse minha mãe ia fazer um barraco comigo>> Tomei uma ducha para poder acordar, me pergunto porque toda vez que tenho que sair a cama me chama tão alto. Acordei o Duda, que também estava morrendo de sono. Nos arrumamos, e lá vamos nós. Eu realmente detesto sair de casa, enfrentar 1 hora de ida, e quase 1 hora de volta. Não me perguntem o porque, mas pra voltar sempre é mais rápido.
Na rua da clinica eu comecei a chorar. Sem motivo sabe, apenas as lágrimas descendo no meu rosto enquanto o sol escaldante queima o asfalto. Cheguei na clínica grogue, não sei porque mas algo me deixou mole. Secando as lágrimas com a manga da blusa, respirei fundo e entrei na sala. Falei quase tudo, do preço exagerado do remédio, e tudo mais. Ele me receitou outro remédio, eu realmente gostei do meu antigo, porém ele é muito carinho.Não sei ainda quais efeitos colaterais o novo terá, pois ainda tenho "bastante" do antigo. Quando eu começar a tomar digo aqui quais efeitos eu tive. O meu maior medo é de engordar << mais do que já estou --'' >>
Essa semana tem sido um saco, tô empacada no mesmo peso. Não perdi, e nem ganhei. Algo está saindo errado, preciso rever todas as anotações. Encontrei uma dieta que parece ser bem interessante. Preciso até atualizar o outro blog, com as dietas novas que eu achei. Enfim, espero que os dias melhorem porque sinceramente as coisas não andam bem.