25 de fevereiro de 2016

Crises

Esse negócio de ficar sem comer, e a pressão que é para eu perder peso está acabando comigo. Estou discutindo com o Duda quase todos os dias. E se não discutimos, acabamos nos " bicando " em algum momento do dia. Eu sei que a grande parte é minha culpa. Ele não faz nada de mal, e eu que entendo como se fosse onfesa. Ontem eu estava morrendo de fome, e tentando ver qualquer coisa na tv que prendesse minha atenção. Ele apenas disse- Afe, como pode ver isso? E o que eu fiz arrumei confusão por isso. Aproveitei a deixa e questionei sobre ele comprar uma camêra para o ps4 sem falar nada pra mim. Em algum momento da discussão eu fiquei louca, e de novo me machuquei. Não me controlei, e me agredi na frente dele. Eu duvido que ele vá me aguentar por mais tempo. Em algum momento ele vai me largar. Eu sei disso, só não quero perder ele. No fim não entramos em nenhum solução. Ele me abraçou e me beijou. E eu só fiquei ali com ele, abraçada. Eu estou paranóica, sempre que vejo algo, acho que as pessoas estão rindo de mim. Caçoando de mim, me julgando. Estou com dor de cabeça desde sábado. Ele me disse, que acha que me machuquei por causa das agressões. Pediu que eu fosse no médico, e eu lógicamente não vou. Estou mentalmente instável, se o médico sacar ele vai me questionar, eu não quero isso. Nada contra a medicina, mas odeio médicos. Minha ansiedade e paranóia, está me causando muitos problemas. Estou tomando ás vezes 3 remédios de uma vez para dormir. E quando eles fazem efeito, eu fico como uma droga. Mal consigo segurar o celular. Hoje eu tinha pesagem, mas não quis me pesar. Fiquei deitada, e pensei em me cortar. Mas fiquei com preguiça, e a dor na cabeça já é o suficiente. Toda vez que abaixo, e levanto sinto tontura. Meu intestino está horrível, não fui no banheiro esses dias atrás. Mas devido a crise de ontem, me deu dor barriga. ( Eu sinto isso quando estou estressada ) Tive que tomar mais um banho, me entupi de remédios, virei e dormir. Antes  sair ouvi o Duda dizer: Hei, agenda o negócio pra mim no poupatempo. E vou aproveitar e marcar o seu médico (psicologo/psiquiatra). 
Eu sinto que uma hora ou outra, ele vai me deixar. Ele não é obrigado a viver desse jeito. Uma esposa gorda, agressiva, ignorante, depressiva, escrota. Aposto que quando casou não era isso que ele queria. Eu já não tenho ninguém, se eu perder ele... Não terá ninguém pra me ajudar, pra beijar minhas feridas e dizer que vai ficar tudo bem. Mas não posso obrigar ninguém á ficar. Mas é isso que sou um monstro, e ninguém quer ficar perto de um monstro. No próximo post eu coloco meu p.a, a Sis está me dando uma força pra controlar meu estresse sobre a comida. Espero perder peso, e controlar mais os niveis de estresse.  << ? >>
L.

10 comentários:

  1. seus nervos estao a flor da pele, esse nivel de estresse nao faz bem. tente separar as coisas, raiva de peso é raiva de peso, e não raiva de pessoas. as pessoas tambem tem seus defeitos e seus momentos irritantes, mas nao pode descer do salto, tem que dar toques sutis e educados, tambem lembre-se que elas nao sao totalmente ruins, elas tem muitas coisas positivas tambem, nao esqueça isso nos momentos de raiva.
    acho que seria interessante ele tambem fazer terapia, pois tem momentos que ele nao parece saber como lidar tambem, algumas sessoes com os dois juntos se possivel seria lindo ^^
    nao tenha odio dos profissionais, quando voce achar o certo pra vc, pode mudar sua vida ^^

    ResponderExcluir
  2. Não, não, não... Lua, você não é um monstro, é só alguém que está passando por momentos ruins. Não faça isso consigo mesma.
    E como um precioso conselho que recebi, também acho você merece mais do que pensa merecer - mais bondade/paciência/gentileza de si mesma. Certo?
    Sem estresse, sem ódio, sem raiva...
    E quando estiver pronta você pode buscar ajuda... eu acho que seria bom pra você e pra ele pois os médicos só estão aqui para nos ajudar. Mas a escolha é sua...
    Eu acredito em você Lua... vai ficar tudo bem.
    Beijos
    Ami

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu queria crer que não sou, mas eu sou um monstro. Olha a coisas que faço com ele,://
      Isso é horrível, eu sou horrível.

      Excluir
  3. Você está muito abalada, nessa situação nada parece dar certo, mas você pode mudar essa situação, ele não vai te deixar se realmente te amar, ele vai estar contigo pois ele vai perceber que é nesse momento que você mais precisa dele. Eu também tenho raiva de médicos, psicólogos pra mim são um bando de fingidos que estudaram para controlar nossa mente , mas veja só, comecei a me tratar como um, e vai ser melhor assim, pelo menos tente, se não for por você que seja pelas pessoas que você ama.

    Se cuida viu, um grande abraço <3

    ResponderExcluir
  4. Essa paranoia de achar que todos estão rindo da sua pessoa,
    já passei por isso muitas vezes, inclusive, atualmente tenho sofrido com uma preocupação exagerada a respeito das opiniões que estranhos possam formular sobre mim.
    Lua, você sabe muito bem que precisa de ajuda. Me desculpe, mais não passar a mão na sua cabeça, você precisa se tratar.
    O seu marido te ama e, certamente não vai te deixar. No entanto, você esta adiando o que pode ser a solução dos seus problemas, tanto psicológicos quanto familiares.
    A unica pessoa que pode te ajudar de verdade é você mesma.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. '---'
      Eu publiquei, e provavelmente fui ler os blogs e esqueci de responder. :// Desculpa.

      Eu sei que preciso me tratar. E que tenho que ir no médico acredite, deste ano não passa. A não ser que eu morra antes disso. Mas vou ir sim ://
      E realmente só eu posso me ajudar, já esperei ajuda de quem ajudei, e infelizmente me lasquei...

      Excluir
  5. a gente não deixa o que a gente ama , se ele ainda ta com você é porque se importa , mas claro que cada um tem que fazer sua parte, fazer coisas que vão dar motivo pra ele se afastar não é o que se pode chamar de melhor escolha, desculpa, sei que nem te conheço e vim me intrometer, mas é o que eu penso , as pessoas precisam manter a sanidade se querem manter um relacionamento, pense se fosse ele quebrando tudo e se machucando na sua frente ?! :( mesmo que o mundo seja louco não deixe isso te afetar. Viagens a dois fazem muito bem, façam mais coisas juntas, coisas que arranquem sorrisos, vai fazer bem pros dois. Discordo da menina acima que disse que psicólogos nao fingidos, acho que se vc tem esse pensamento é simples: nao se consulte com um. Mas se você quer mudança precisa sim dar um passo sobre seu orgulho, não espere perder tudo pra ver que era importante pois saudade não traz ninguém de volta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas se você quer mudança precisa sim dar um passo sobre seu orgulho, não espere perder tudo pra ver que era importante pois saudade não traz ninguém de volta. <-

      Esse é meu medo.

      Excluir

Gentiliza gera gentileza, por favor respeite meu diário. Deixei seu nome e o do seu blog, que lhe faço uma visita assim que puder.
Obrigada <3