17 de maio de 2016

Choramingos

É domingo, e estou encarando meu caderno vermelho de dietas. Penso - eu devia fazer pra emagrecer::: mas não consigo::::eu devia para dar desculpas:::eu quero comer::: mas não quero ser gorda, ou continuar gorda:::mas eu não consigo - Pego o caderno fino, tremendo demais, para poder escrever. Leio as últimas anotações, e penso em tacar ele na parede. Mas não faço. Tento ler palavra, por palavra, e sentir que algo que vai me dar uma luz, e que eu posso voltar a ter um foco. Anoto os erros, penso nos acertos - Existe algum acerto? Me sento desconfortavelmente na cama, e sinto que minha bunda pode ficar quadrada á qualquer momento. Vou no menu do celular > imagens > fotos do pc > e me deparo com todas as dietas que pensei em fazer, mas não nunca tive capacidade suficiente. Quero morrer. Então abro o notebook, entro em tantos sites, redes sociais, blogs, que fico tonta e as palavras Ana e Mia, já fica meio sem nexo pra mim. Não acho nada de diferente. Me canso, e deito. Ainda sentindo a bunda dormente, porque fiquei ali por umas duas horas sem achar nada. Listo o que devo fazer > penso em seguir um dieta > comer menos possível > evitar a bulimia > fazer algum exercício > tentar ler > fazer um blog de cardápio diário > e aguentar a fome > e não me pesar todos os dias. Faço minhas preces, achando que talvez eu possa tomar um rumo. Tentando de alguma forma, trazer a Lua que tinha 16/17 anos, que era forte, que nunca se importou com comida. Que gostava dos ossos saltados. Algumas gotas  salgadas insistem em cair..Então penso  nas palavras do Alejandro. 
Encaro meu teto branco, e ele me mostra uma bolha preta. Parece um novelo de lã emaranhado, penso que eu poderia tirar do teto e brincar com ele. Me arrumo e durmo.  



10 comentários:

  1. A luta contra o TA parece invencível. Mas só parece, com muito esforço e dedicação é possível vencer tudo.
    Eu espero que encontre algo que faça com que você se sinta bem.
    Me pego lembrando sempre da antiga Lua. Ela parecia ser uma garota tão feliz, mas de repente o mundo obscuro apareceu e tomou conta de sua mente.
    fica bem <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que ela nem nunca existiu, talvez era uma parte de mim perdida...

      Excluir
    2. E esta parte foi perdida, espero que a reencontre.

      Excluir
  2. Cade aquele blog que você tinha? É bom mesmo ter um espacinho pra publicar a alimentação. Tenha força!
    Beijo grande

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se está falando sobre o Garotas de vidro, ele está no mesmo lugar. Criei o outro, nem sei porque '---'
      Ah, pq eu queria postar os cardápios

      Excluir
  3. entendo isso, passei e ainda passo um pouco com isso :/

    ResponderExcluir
  4. Não Me pesar tds os dias é o meu maior desafio .Incrível como a balança me seduz ísso é a palavra certa sedução pq sempre achamos q ela nos vai fazer bem.
    Flor força e vamnos ter gratidão pelas boas coisas ,pela quantidade dee peso que já perdeu ,se ficarmos fixando o q falta perder ,não vamos conseguir ir a frente. Bjss amorzinho

    ResponderExcluir

Gentiliza gera gentileza, por favor respeite meu diário. Deixei seu nome e o do seu blog, que lhe faço uma visita assim que puder.
Obrigada <3