30 de maio de 2016

Vergonha

O espelho esta me maltratando, e ele tem razão em fazer isso. É tudo minha culpa, eu sou uma vergonha. Não importa se estou em um peso saudável. Eu não quero isso, não quero. Lágrimas rolam no meu rosto, quando penso em números, quando penso em como me deixei. Em com me importei com tudo em minha volta, mas não pensei em mim. Quando descontei minha raiva em um prato de comida. Do que adianta comer e continuar sentindo as coisas? Pode ser loucura mas prefiro as lâminas do que a comida. Não quero continuar, não quero piorar, não quero. Não consigo ver que estou saudável, me vejo gorda. Não quero ser uma garota gorda, uma esposa gorda, uma mulher gorda. Eu quero ser magra. Magra, a ponto de me sentir bem ao passar por um espelho. Quero me sentir leve, não quero ter vergonha. Eu não consigo parar de pensar em como eu me deixei ficar assim. Fico pensando em como as pessoas me enxergam, então eu deixo tudo sair do lugar. A Bulimia volta a me confronta, volta a me lembrar que existe uma saída. Mas não quero ela. Eu adoraria me sentir bem do jeito que eu sou, mas não consigo. Já tentei, mas logo estou eu chorando por um garfo. Eu vou insistir, eu vou lutar, ainda que o caminho seja o fim. Eu vou me enrolar, me ludibriar, e talvez me enganar. Mas nessa casca eu não quero morar. Aposto que todo mundo de ri mim, porque estou á tanto tempo, e nunca consigo chegar em lugar nenhum. Eu mereço os chingamentos, as humilhações, porque eu sou uma gorda infeliz. Que não tem capacidade alguma de atingir meta nenhuma. E fica se iludindo, com isso... Mas não consigo desistir assim, não consigo simplesmente esquecer de tudo. E continuar a vida, sem pensar em como eu poderia me sentir bem com meus ossos aparentes. É óbvio que não tenho que provar nada pra ninguém, que tenho que emagrece por mim, somente por mim. Mas o peso de certas palavras, já me machucaram. As pessoas falam, e nem percebem o quanto me machuca. Mas tudo bem << mentira>> Eu odeio ser assim, o.d.e.i.o, com todas as minhas forças, se eu pudesse usava os facões da minha mãe para cortar essa coisa toda. Eu vou conseguir, eu vou, nem que  isso me leve pro fim da estrada. Mas eu não irei desistir, ainda que meu cérebro esteja gritando. Eu preciso conseguir isso, pelo menos me deixará mais próxima do fim... 




7 comentários:

  1. Oi lua
    Espero que esteja melhor.
    Desculpe a pergunta que pode ser bem imbecil mas por acaso você ja fez algum tratamento para depressão ?
    Se sim qual foi o resultado ajudou não adiantou ou você abandonou ?
    Desculpe a curiosidade e caso não queira responder tudo bem

    bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá TG.
      Não, nunca fiz... Fiquei um tempo indo á igreja para ver se curava essa coisa toda. Mas não deu nada, não sei se foi por falta de tentar. Ou se realmente, devo ter alguma doença. Eu desconfio de Transtorno de Boderline, li algumas coisas, e minha personalidade desde criança bate bem com ela. Agora se é eu não sei, pode ser outra coisa. Tenho um irmão com esquizofrenia, ele foi diagnósticado á mais ou menos 6 anos. Talvez seja algo genético, ou seja por causa da minha infância. Não sei bem, mas é evidente que preciso de ajuda médica.

      Beijos anjo, fique á vontade pra perguntar !!

      Excluir
    2. Lua chan a hina esta aqui, logo vc vai despertar dessa pedra de geloq a deixa aprisionadamente nesse mundo frio, e vai sorrir de vdd, pq mesmo sendo triste e duras as suas palavras eu vejo a sua doçura, eu agradeço ao cosmos por ter me colocado no mesmo destino q vc, para q eu encontre uma saida pra solidão que toca no meu coração, e q eu possa compartilha-la com vc <3
      nhaaay mabaçaaaa <3 (me abraça SHAUSAU' essa eh a tradução :3

      Excluir
  2. Procure fazer o que te faça bem, se não consegue sozinha procura um nutricionista, se seu desejo não é mais sofrer sendo amiga da ana deve procurar um psicologo.
    não se deixe levar pro obscuro, agora que esta tentando dar a volta por cima estou torcendo pra que vc venha aqui dizer o quanto esta bem consigo mesma, principalmente vencer seus monstros internos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Mari
      Não sei vou falar sobre isso, eles diram que estou saudavel.. deus me livre :C

      Excluir
  3. é sempre uma tortura, você não sabe escolher entre ser magra e sentir o sabor da perfeição, ou ser saudável e deixar os outros felizes... ambos tem lados ruins...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ambos tem lados ruins :/
      Bem isso...

      Excluir

Gentiliza gera gentileza, por favor respeite meu diário. Deixei seu nome e o do seu blog, que lhe faço uma visita assim que puder.
Obrigada <3