22 de junho de 2016

Aranhas e Borboleta - Consulta com o psiquiatra marcada

De um dias pra cá. muita insônia, e muita falta de concentração. Em alguns momentos eu senti que minha mente iria explodir, e meus miolos iriam se espalhar pelo quarto branco. E que provalvemente meu marido iria catar meus restos colados nas parede, e em cima dos móveis.
Em alguns momentos aranhas brancas desciam pela parede, e parecia tão real que eu poderia me esticar e ela iria andar pelo corpo. Porém, como sei que estou em tamanha demência, me enrolei e me cobri dos pés a cabeça. Eu senti meu coração subindo pela garganta, se eu tossisse ele sairia pela minha boca pintando meu coberto de mangá, de vermelho vivo. Hoje novamente parada, em minha cela meu quarto. Vi uma borboleta de tamanho médio, feita á lápis, voando no teto. Era bonita, parecia ser feita por uma criança pequena, que não tem muita força para pintar. Encarei e fiquei vendo isso por uns 2 minutos, mas o Duda me chamou, e eu olhei pra ele. E depois olhei pro teto, e não tinha nada. Eu não entendo porque estou vendo essas coisas, e ainda que algumas não me assustem. Eu fico medo, pois sei que nada disso existe. E também sei que da última vez que alguém, do meu sangue disse que via certas coisas. Internaram ele por mais de 2 meses. Ou seja, a Lua não pode ver nada, e nem crer que viu nada, e de preferência, não falar sobre nada. 
Hoje depois da borboleta feita de lápis. Estava deitada, me irritando profudamente com as lágrimas que insistiam em nascer. Sem eu nem sentir, nada, absolutamente nada. O Duda, pegou a guia, meu rg, carteirinha médica. Não disse nada, só disse que iria na casa da mãe dele. Eu peguei uma calcinha limpa, roupas limpas, e fui para o banheiro. Esperando que o banho retirasse a casa de dor, de raiva, e tristeza. Mas pelo contrário, me fez mal. Passar sabão em mim, me fez reparar em como estou gorda. Em como estou com 50 % do corpo cheio de cicatrizes. E até por alguns minutos eu senti dó de mim mesma. Mas não gritei,  e nem me cortei hoje. Apenas chorei, e me vesti em silêncio. 
Depois de umas meia hora, ou mais. O Duda apareceu novamente, a consulta está marcada para dia 14 de julho ás 9:15 da manhã. Ele nem reparou, que marcou na mesma data do clínico, que foi no dia 14 de junho. Mas eu não comentei nada, só deitei e chorei de novo. Não sei o que sentir, e nem o que pensar. Eu adoraria cortar minha própria garganta, e deixa o sangue sair do corpo até que minha vida sumisse do planeta terra. Seria bem mais fácil, do que ter que enfrentar toda essa coisa.  


16 comentários:

  1. Lua, a dor as vezes nos faz ter alucinações, não tenha medo, isso vai passar , o melhor que tenhas a fazer é ignorar, não repare, você sabe que não existe, então as mande embora, ou você acaba com elas ou elas vão acabar com você .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já mandei, mas elas não me ouvem...

      Excluir
  2. Oi flor! Vc precisa trabalhar no seu controle, o médico será bom pra você. Minha segunda consulta foi muito melhor que a primeira..
    Espero que fique bem s2

    ResponderExcluir
  3. Oi Lua

    Acho que vc tem uma imaginação incrível. Não imaginação negativa. Vou tentar explicar para não parecer muito louca e espero que vc consiga entender.
    Quando as pessoas costumam ver coisas ja são taxadas de loucos eu costumo acreditar que elas estão num mundo só delas e conseguem criar belas imagens como a da borboleta ou tristes dependendo do emocional.
    Acredite vc não é uma pessoa má ou ruim ou ate mesmo louca ser diferente não é sempre algo ruim . Acho pior os que tem a sanidade perfeita e fazem coisas horrendas.
    Vejo vc todos os dias em cada blog dando apoio a todos mesmo vc estando num dia ruim vejo que vc se preocupa com seu marido e sua família também vejo que vc ainda tem amor por uma pessoa que ja partiu.Como alguém pode dizer que isso é ruim, ngm pode dizer. Vc é uma pessoa de amor Lua uma boa pessoa
    Todos temos pontos a melhorar. Espero de coração que essa depre vá embora e que vc só tenha luz.
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei dizer se isso é bom anjo... É que ainda não contei o porque estou odiando ver coisas, e não quero ver nada... :/
      Obrigada pela força.
      Beijos

      Excluir
  4. alguém anda lendo novamente garotas de vidro...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não li mais não, tô lendo - A Caverna de Cristal - hehe

      Excluir
    2. Seu estilo de escrever é tão figurativo e explicativo quando a da escritora da garotas de vidros, eu achava que era inspiração, mas olhando textos antigos é uma marca registrada sua, que legal ♥

      Excluir
    3. Omg, estava me stalqueando Cecy ⊙ω⊙

      Excluir
  5. Nossa lua que viagem louca não ? a hina se sentiria em transe e.e imagino o qnto isso pode ser dificil mas como disse, só imagino, nunca poderei realmente sentir oq vc sente, espero q dia 14 chegue logo, e q possam te ajudar, pois não aguento ver esse oceanos nos olhos da lua (mesmo sem ver), quero a lua bem <3 minha pequena onee-chan , pequena pq eu gosto da imagem de poder tê-la em meu colo, passando as mãos em seus cabelos, até vc adormecer, um sono profundo e gostoso <3

    ResponderExcluir
  6. Oi lua , tudo bem ? Comecei a seguir vc faz pouco tempo, mas queria saber se vc esta afim de fazer dietas juntas ? *.* ou conhece alguém que queria =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Alice...
      Amanhã eu e uma amiga, vamos iniciar uma nova dieta, que ela mesma que criou :D
      Se quiser particpa, manda seu skype :)

      Excluir
  7. Olá Lua!


    Aranhas de novo, ninguém merece!
    Uma borboleta feita a lápis é algo muito surreal, que viagem!
    Penso que seria bom você anotar em uma folha as datas em que essas visões ocorrem, o que foi visualizado, e o que aconteceu naquele dia, observar a si mesma pode te ajudar a achar respostas, falar para o teu médico sobre a frequência que essas visões acontecem pode fazer diferença no teu tratamento.
    Lembre-se que aquilo que vocês conversam não sai do consultório, ele só pode te socorrer se você conseguir se abrir.

    Neste dia não houve automutilação, e olha só, a tua dor não aumentou e nem diminuiu, tuas lágrimas não foram mais leves nem mais pesadas, sinal de que as lâminas são inúteis e tem grandes chances de ser esquecidas, descartadas e ignoradas.
    Tu não precisa e nem deve levar as marcas do teu sofrimento pro resto da vida, até porque eu creio que a fase feliz da Lua ainda vai chegar!
    Procure um dermatologista, ele vai lhe indicar o melhor tratamento para fazer sumir essas malditas cicatrizes, hoje existem métodos e medicamentos muito modernos e eficazes!
    Acredito que ver as cicatrizes sumirem aumentará tua autoestima, te influenciará positivamente, trará uma vaidade benéfica e certamente tu não vai querer se machucar mais!
    Amém? Hahahahahahaha!



    Beijos :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Duda disse o mesmo ><
      Disse para eu anotar o que é, o dia, e até hora do que ando vendo ou sentindo. Os cortes não cessaram Anita, eu apenas não falo sempre sobre isso. Não gosto. O meu pulso está totalmente detonado, até mesmo na luz da tv no escuro, da pra ver :<
      Mas quem sabe um dia não é....

      Beijos <3

      Excluir

Gentiliza gera gentileza, por favor respeite meu diário. Deixei seu nome e o do seu blog, que lhe faço uma visita assim que puder.
Obrigada <3