25 de outubro de 2016

Os vividos ( ou seres da escuridão )

Os dias tem sido irritantes. Não sinto vontade de nada na maioria dos dias, andei tomando antidepressivos demais, e não fui a psicológa. Desde ocorrido com a minha tia irmã da minha mãe. Eu tenho piorado rapidamente, por vezes durmo chorando, levanto chorando, e um desses dias dormi segurando a mão da minha mãe. Ela me disse que só dormi desta forma, e claramente isto não é o meu normal. Pior ainda quando a tia irmã da minha mãe mora por perto. Minha rotina tem sido sempre a mesma, por sorte me sinto mais "segura" em frente a comida. Acho que perdi algo, pois algumas blusas estão folgadas, e as calças também. Não me da segurança necessária para descansar, mas me da um "alívio" ou não. Para explicar para vocês básicamente estou tentando me manter abaixo de 500 kcals diárias, mas se passar algumas não estou dando minhas neuras. Andei fazendo detox e comendo mais verduras e frutas. Resultado -- banheiro toda hora -- Está sendo bem difícil ficar sem pesar, mas foi a forma de lutar contra a ansiedade. 
Já fiz mais 4 desenhos, pretendo posta-los em breve. Atualmente trabalho com uma caveira mexicana, que minha prima me pediu. Mas eu parei porque a mente não me deixava pintar em paz. As unhas pedem esmaltes, o cabelo perde uma cor nova, o guarda roupas uma boa faxina. E meu corpo deseja apenas a morte. É díficil lutar contra isso sabe? É como uma guerra, alguns mortos, outros feridos, e você sente que é o único a combater os inimigos. Quem são os inimigos? Os vividos das sombras, eles me observam dentro da escuridão. Estão sempre comigo, na hora de ouvir música, ou ler, ou fumar, em qualquer lugar. Sempre tive medo do escuro, mas não em relação aos seres que habitam a escuridão. Mas sim, por causa de algum inseto intruso. Mas hoje, agora, nos últimos tempos prefiro acompanhia dos insetos. Eles estão me observando agora, neste exato momento, bem ali atrás da porta desgastada do meu quarto. ( queria mata-los )
Estou lendo "A noite mais escura do Ano - Dean Koontz " estou gostando!! Sempre que a minha mente me da uma folga, eu leio, e simplesmente flutuo para dentro deste mar de palavras. ( super indico, e olhe que nem li todo ) 
Ontem fiz minha 2° tatuagem. Eu estava passando muito mal ontem, não sei porque mas o chá de hibisco que eu fiz para tomar o dia todo me fez um tremendo mal. Eu nem precisei "miar" o treco todo saíu. Mas mesmo morrendo fui lá no estúdio, trago fotos quando ela estiver pronta. A dor deu espaço a pequenos olhos na luz do estúdio do tatuador. Eles me perseguem em todos os lugares, inclusive nas roupas. Eu cheiro a mofo, bolor e monstros da escuridão. Não me entenda mal, eu tomo banho, mas a minha alma não, ela está totalmente pútrida. ( Amanhã passo em todos os blogs, eu prometo, porque agora estou sob efeito de remédios )


11 comentários:

  1. Oi, Lua ❤
    Esses dias sem cor, sem ânimo e sem sabor... Não são fáceis de enfrentar, não é? Igualmente difíceis sãos os dias de raiva e tristeza. Meus dias às vezes são uma mistura confusa disso tudo. Você disse que se sente em uma guerra, e isso me fez lembrar do que conversamos ( a psicóloga e eu) na última vez em que tive terapia, ela me disse "Você está lutando contra você mesma, e não é mesmo uma luta fácil.".
    Sabe, a percepção que tenho de ti, é que você está se separando da dor, começando a se enxergar além da dor. E isso é uma grande conquista, porque por mais que doa, por mais assustador e perturbador que seja você está começando a conseguir separar quem você é daquilo que você sente. Em resumo: sei que ainda dói, que ainda é difícil e confuso, mas você está caminhando, e isso é ótimo!
    Eu ando distante daqui ( de novo) perdida nos meus próprios pensamentos, mas quando você postar os desenhos eu quero vê-los e comentar dizendo o que achei.
    Aproveite sempre que possível os benefícios da leitura, e vá se agarrando a tudo mais que te trouxer prazer. É mais ou menos o que faço para me sustentar...
    Desculpe os possíveis erros nesse comentário. É um dia nublado e preguiçoso por aqui, cujos adjetivos também posso usar para descrever minha mente: preguiçosa e nublada.
    Tenho carinho por ti, e mesmo que me ausente por um pouco, tente se lembrar que me importo, certo?
    Um abraço forte para ti!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ana <3
      Obrigada por todas essas palavras... É engraçado porque não vejo melhoras, mas outros veem iso é sinal bom não é ?
      Deve ser !
      Obrigada!
      Também tenho por ti!! Obrigada por visitar meu canto baby..
      Beijos :*

      Excluir
  2. Vá ao psicólogo. Por favor.
    Se cuide.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho consulta com psiquiatra hoje Ami, não sei o que vai acontecer ... :|

      Excluir
  3. Espero que esteja melhor!
    Nossa já estou ansiosa para ver seus desenhos, sentimento dificil esse hein, ainda bem que consegue um tempinho para ler e esparecer.
    Fique bem tabom, chá pra mim abaixa a pressão faz o teste se continuar se sentindo mal mude a opção de chá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seja bem vinda Jennifer Gama
      Obrigada, fiz bastante desde a ultima postagem :|
      Bjs

      Excluir
  4. "Eu cheiro a mofo, bolor e monstros da escuridão."

    Eu também. E confesso que tem dias que não tenho forças pra ir tomar banho... tem dias que tomo dois... vai entender...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É díficil Marcy, não há como entender nosso labirinto mental.

      Excluir
  5. Lua, ler seus post me trás novas dores, a nossa mente as vezes pode desencadear várias paranoias, e eu entendo, tenho um coleção delas, mas somos mais fortes que elas, só precisamos entender isso.

    ResponderExcluir
  6. Me faça um gesto, me faça perto
    Me dê a lua que eu te faço adormecer
    Me faça um gesto, me faça perto
    Me dê a lua que eu te faço adormecer

    <3

    ResponderExcluir

Gentiliza gera gentileza, por favor respeite meu diário. Deixei seu nome e o do seu blog, que lhe faço uma visita assim que puder.
Obrigada <3